provérbios para gente culta

expõe-me com quem deambulas e a tua idiossincrasia augurarei.
(diz-me com quem andas e te direi quem és)

espécime avícola na cavidade metacárpica supera os congéneres revolteando em duplicado.
(mais vale um pássaro na mão do que dois a voar)

ausência de percepção ocular, insensibiliza órgão cardial.
(olhos que não vêem, coração que não sente)

Equídeo objecto de dádiva, não é passível de observação odontológica.
(a cavalo dado não se olham os dentes)

o globo ocular do proprietário torna obesos os bovinos.
(o olho do amo engorda o gado)

idêntico ascendente, idêntico descendente.
(tal pai, tal filho)

descendente de espécime piscícola sabe locomover-se em líquido inorgânico.
(filho de peixe sabe nadar)

pequena leguminosa seca após pequena leguminosa seca atesta a capacidade de ingestão de espécie avícola.
(grão a grão enche a galinha o papo)

tem o monarca no baixo ventre
(tem o rei na barriga)

quem movimenta os músculos supra faciais mais longe do primeiro, movimenta-os substancialmente em condições excepcionais.
(quem ri por último ri melhor)

quem aguarda longamente, atinge o estado de exaustão.
(quem espera desespera)

proverbios

curiosidades científicas

está cientificamente provado que…

se uma pessoa gritasse durante 8 anos, 7 meses e 6 dias, teria produzido energia suficiente para aquecer uma chávena de café…
(não parece valer a pena tentar…)

o orgasmo de um porco dura 30 minutos…
(30 minutos… vocês leram bem direitinho??!!)

dar cabeçadas contra um muro consome 150 calorias por hora…
(ainda estou a pensar no porco, porra!…30 minutos?…)

uma barata viverá 9 dias sem cabeça, antes de morrer de fome…
(que inveja que eu tenho do porco!)

alguns leões acasalam mais de 50 vezes por dia…
(prefiro ser porco, qualidade em vez de quantidade!)

as borboletas saboreiam as suas próprias patas…
(isto é algo que eu sempre quis fazer, mas falta-me elasticidade.)

o elefante é o único animal que não pode saltar…
(…30 minutos… que loucura essa do porco!)

a urina do gato brilha fosforescente, sob uma luz forte…
(pensaram bem? são… 30 minutos!)

os olhos de uma avestruz são maiores que o seu cérebro…
(conheço gente assim…)

as estrelas do mar não têm cérebro…
(também conheço gente assim…)

os ursos polares são surdos…
(os cães pastor-alemão são nacionalistas, a baleia franca é franquista e o porco… o porco é demais!)

os humanos e os golfinhos são as únicas espécies que têm sexo por prazer…
(e se um golfinho fizesse sexo com um porco? 30 minutos! que fenómeno!)

daqui para a frente, irei sentir-me extremamente lisonjeado quando uma mulher me disser: “és um porco!”

porco

avaliação

A:  O Exercício:
6 + 7 = 18

B:  A Análise:
A grafia do número seis está absolutamente correta.
O mesmo se pode concluir quanto ao número sete.
O sinal operacional + indica-nos , corretamente, que se trata de uma adição.
Quanto ao resultado, verifica-se que o primeiro algarismo (1) está corretamente escrito – corresponde ao primeiro algarismo da soma pedida. O segundo algarismo pode muito bem ser entendido como um três escrito simetricamente – repare-se na simetria , considerando-se um eixo vertical! Assim, o aluno enriqueceu o exercício recorrendo a outros conhecimentos … A sua intenção era, portanto, boa.

C:  A Avaliação:
Do conjunto de considerações tecidas nesta análise, podemos concluir que:
A atitude do aluno foi positiva: ele tentou!
Os procedimentos estão corretamente encadeados: os elementos estão dispostos pela ordem precisa.
Nos conceitos, só se enganou (?) num dos seis elementos que formam o exercício, o que é perfeitamente negligenciável.
Na verdade, o aluno acrescentou uma mais-valia ao exercício ao trazer para a proposta de resolução outros conceitos estudados – as simetrias…- realçando as conexões matemáticas que sempre coexistem em qualquer exercício…

Em consequência, podemos atribuir-lhe um excelente e afirmar que o aluno “progride adequadamente”!

avaliacao

os maiores profetas

Era meia noite e o sol raiava…
As andorinhas pastavam, enquanto as vacas pulavam de galho em galho…
Um velho ancião, de apenas 14 anos, sentado em pé, numa pedra arredondada com quatro quinas, calado, dizia assim:
- Os quatro maiores profetas eram 3: Abraão e Jeremias!

profetas

se…

SE chego a horas… sou maníaco.
SE me atraso… sou irresponsável.
SE sou jovial… não levo nada a sério.
SE me mostro reservado… tenho a mania que sou bom.
SE me preocupo com o trabalho… sou chato.
SE não me preocupo… sou um desligado.
SE faço um elogio… sou um engraxador.
SE faço uma crítica… sou um sacana.
SE fico depois da hora… estou-me a fazer à promoção.
SE saio à hora… estou-me nas tintas para o serviço.
SE faço horas extraordinárias… faço tudo por uns tostões.
SE não faço horas extraordinárias… sou um mau profissional.
SE insisto no meu ponto de vista… além de burro sou teimoso.
SE não insisto no meu ponto de vista… não tenho carácter.
SE sou o mais velho desta secção… sou um fóssil pré-histórico.
SE sou o mais novo desta secção… não passo de um puto.
SE sou promovido… sou o bufo do chefe.
SE não sou promovido… sou um incompetente.
SE luto pelos meus interesses… sou um agitador anarquista.
SE faço greve… sou comunista.
SE não faço greve… sou fascista.
SE tento ajudar… tenho a mania de que só eu é que sei.
SE não tento ajudar… tenho medo que se apoderem dos meus conhecimentos.

if

lição de economia

Uma mulher escreveu para um site a pedir umas dicas sobre como arranjar marido rico. E obteve resposta:

Ela:
Sou uma garota linda (maravilhosamente linda) de 25 anos. Sou bem articulada e tenho classe. Estou querendo me casar com alguém que ganhe no mínimo meio milhão de dólares por ano. Tem algum homem que ganhe 500 mil ou mais neste site? Ou esposas de gente que ganhe isso e possa me dar algumas dicas? Já namorei homens que ganham por volta de 200 a 250 mil, mas não consigo passar disso. E 250 mil não vão me fazer morar na Quinta da Marinha. Conheço uma mulher da minha aula de ioga que casou com um banqueiro que vive na Penha Longa, e ela não é tão bonita quanto eu, nem é inteligente. Então, o que ela fez de certo que eu não fiz? Como eu chego ao nível dela?

A resposta:
Li sua consulta com grande interesse, pensei cuidadosamente no seu caso e fiz uma análise da situação. Em primeiro lugar, não estou a gastar o seu tempo, pois ganho mais de 500 mil por ano. Posto isto, considero os factos da seguinte forma: o que você oferece, visto da perspectiva de um homem como o que você procura, é simplesmente um péssimo negócio. Eis o porquê: deixando as virgulas de lado, o que você sugere é uma negociação simples. Você entra com a sua beleza física e eu entro com o dinheiro.
Mas há um problema. Com toda a certeza, a sua beleza vai decair e um dia vai acabar, e o mais provável é que o meu dinheiro continue a crescer.
Assim, em termos económicos, você é um activo sofrendo depreciação, e eu sou um activo rendendo dividendos. Você não somente sofre depreciação, como essa depreciação é progressiva, está sempre a aumentar! Explicando, você tem 25 anos hoje e deve continuar linda pelos próximos 5/10 anos, mas sempre um pouco menos a cada ano, e de repente, se você se comparar com uma foto de hoje, verá que já estará um caco. Isto é, você está hoje em ‘alta’, na época ideal de ser vendida, não de ser comprada.
Usando a linguagem de Wall Street , quem a tem hoje deve tê-la em ‘trading position’ (posição para comercializar), e não de ‘buy and hold’ (compre e retenha), que é para o que você se oferece…
Portanto, ainda em termos comerciais, casamento (que é um ‘buy and hold’) consigo não é um bom negócio a médio/longo prazo, mas alugá-la pode ser, e, em termos sociais, um negócio razoável que podemos cogitar é namorar.
Já cogitando, e para certificar-me do quão ‘articulada, com classe e maravilhosamente linda’ você é, eu, provável futuro locatário dessa ‘máquina’, quero o que é da praxe: fazer um ‘test drive…
Posso marcar?’

economia

o curioso número 1089

Há algumas curiosidades relacionadas com o número 1089. Vejamos:

1 – Escreve um número de três dígitos. Os dígitos devem ser diferentes.
2 – Inverte o número e escreve-o por baixo.
3 – Subtrai o menor do maior. Se o resultado for “99” acrescenta o zero à esquerda para ficar “099”. O dígito do meio será sempre “9”.
4 – Inverte o resultado.
5 – Soma os dois últimos resultados. O total será 1089!

 
Exemplo 1:
Exemplo 2:
Exemplo 3
1
538
123
201
2
835
321
102
3
297 (853-538)
198 (321-123)
099 (201-102)
4
792
891
990
5
1089 (792+297)
1089 (891+198)
1089 (990+099)

Mais uma curiosidade:
1/1089 = 0.00 09 18 27 36 45 54 63 72 … (pensa na tabuada dos nove!)
1/9801 = 0.00 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14…

E mais uma:
1089 x 1 = 1089
1089 x 2 = 2178
1089 x 3 = 3267
1089 x 4 = 4356
1089 x 5 = 5445
1089 x 6 = 6534
1089 x 7 = 7623
1089 x 8 = 8712
1089 x 9 = 9801 (9801 é o 1089 invertido)

Consegues ver o padrão? Olha para cada uma das colunas dos resultados, de cima para baixo!

1089

o Maurício

O Maurício é um gajo porreiro. Um pouco ingénuo, mas porreiro. Às vezes dá-lhe assim a modos que uns “amokes”, fica mais esperto, pensa. Mas é um gajo porreiro.
O Maurício gosta de brincar, gosta de pregar partidas, é uma espécie de palhaço residente cá do sítio. Pró Maurício a vida é uma festa. E é um gajo porreiro.

E grande. O Maurício é grande. Para apertar o nó da gravata sobe sempre a um banquinho e torce o pescoço para caber no espelho. Deve sentir vertigens, com o ar rarefeito lá de cima. Coitado! É mesmo grande, o Maurício. Há um ano, quando chegou a este lado do Atlântico, o Maurício é brasileiro, dava um passo em frente para apertar o cinto das calças. Agora dá um e meio. Diz que a culpa é dos pasteis de nata. Pode até ser, mas desconfio. Cá para mim é mais das feijoadas duplas, dos cozidos reforçados de enchidos e dos quatro papo-secos que enfia no bandulho a cada pequeno almoço. E não vou falar nas bolachas que anda constantemente a roer! As formigas fazem fila pró canto dele. É grande, portanto, o Maurício. E porreiro. O Maurício é um gajo porreiro!

A nossa sala de reuniões da cave é um tanto abafada, com uma mesa comprida rodeada de cadeiras de napa a toda a volta. O Maurício estava à cabeceira a apresentar já-não-sei-bem-o-quê. Uma teoria imbecil qualquer sobre as virtualidades da utilização do VB em detrimento do C++. Uma seca que se iria prolongar pela tarde fora. Metade da malta, se não dormia disfarçava mal e a outra metade distraía os olhos a contar as manchas do tecto. Só o Octávio parecia muito interessado. Mas o Octávio parecia sempre interessado. Eu ia preenchendo a folha à minha frente com uns rabiscos dignos de figurar numa rocha de Foz Côa enquanto não ouvia mesmo nada do que ele ia debitando.

Farto desta pasmaceira, tinha de fazer algo para a segunda parte. Aproveitei a hora de almoço e troquei os rissóis de camarão e as empadas de vitela do Chico Jaburdas por uma ida à farmácia em frente. Comprei uma seringa e injectei três copos de água bem cheios na cadeira do Maurício.

Após o repasto, com a pança bem aconchegada, a coisa começou a mudar. A habitual calma do Maurício foi-se alterando. Durante uma boa meia hora, não parava quieto, mexia-se, torcia o corpo. A cadeira parecia picar-lhe. Até que, levantando-se, passou a mão no rabo, mirou-a, espantou-se, olhou pró traseiro e disse prá malta:

“Puta vida, tenho a bunda molhada!”.

gordo

operações com o número 4

Utilizando qualquer operação com quatro vezes o número 4, tenta escrever uma equação cujo resultado sejam os valores de 0 a 100.

Valor
EQUAÇÃO
Valor
EQUAÇÃO
0
44-44
51
(4!-4+.4)/.4
1
(4+4-4)/4
44/44
52
(44+4)+4
2
(4*4)/(4+4)
4/4+4/4
53
4!+4!+√4/.4
3
(4+4+4)/4
(4*4-4)/4
4-4^(4-4)
54
4!+4!+4+√4
4
(4-4)*4+4
55
(4!-4+√4)/.4
5
(4*4+4)/4
56
4!+4!+4+4
4*(4*4-√4)
6
((4+4)/4)+4
57
(4!-√4)/.4+√4
7
(4+4)-(4/4)
44/4-4
58
((4!+4)*√4)+√4
4!+4!+4/.4
8
(4*4)-(4+4)
4+4+4-4
59
(4!-√4)/.4+4
4!/.4-4/4
9
(4/4)+4+4
60
4*4*4-4
4^4/4-4
44+4*4
10
(44-4)/4
61
(4!+√4)/.4-4
4!/.4+4/4
11
44/(√4+√4)
4/.4+4/4
62
4*4*4-√4
12
(44+4)/4
63
(4^4-4)/4
13
44/4+√4
64
4√4*4√4
4*(4!-4-4)
(4+4)*(4+4)
14
4+4+4+√4
4!/4+4+4
4!-(4+4+√4)
4*4-(4/√4)
65
(4^4+4)/4
15
44/4+4
66
4*4*4+√4
16
4+4+4+4
67
(4!+√4)/.4+√4
17
4*4+4/4
68
4*4*4+4
4^4/4+4
18
(4!+4!+4!)/4
4*4+4/√4
69
(4!+√4)/.4+4
19
4!-4-4/4
(√4+4)/(.4)+4
70
(4+4)!/(4!*4!)
44+4!+√4
20
(4/4+4)*4
71
(4!+4.4)/.4
21
4!-4+(4/4)
72
44+4!+4
4*(4*4+√4)
22
4*4+4+√4
4/4*(4!)-√4
4!-((4+4)/4)
44/4*√4
73
((4!/4!!)^4 – 4!!
23
4!-√4+4/4
4!-4^(4-4)
74
4!+4!+4!+√4
24
4*4+4+4
75
(4!+4+√4)/.4
25
4!+√4-4/4
4!+4^(4-4)
(4+4/4)^√4
76
(4!+4!+4!)+4
26
4/4(4!)+√4
4!+√(4+4-4)
4+44/√4
77
(4!/4!!)^4 – 4
27
4!+4-4/4
78
4*(4!-4)-√4
28
(4+4)*4-4
4*√4*4-4
44-4*4
79
4!+(4!-√4)/.4
29
4!+4+4/4
80
(4*4+4)*4
30
4!+4+4-√4
81
(4-(4/4))^4
(4!/(4*√4))^4
31
((4+√4)!+4!)/4!
82
4*(4!-4)+√4
32
(4*4)+(4*4)
83
(4!-.4)/.4+4!
33
4!+4+√4/.4
84
44*√4-4
34
(4*4*√4)+√4
4!+(4!/4)+4
√(4^4)*√4+√4
85
(4!+4/.4)/.4
35
4!+44/4
86
44*√4-√4
36
(4+4)*4+4
44-4-4
87
((4+√4)!-4!)/4!!
37
4!+(4!+√4)/√4
88
4*4!-4-4
44+44
38
44-(4!/4)
89
4!+(4!+√4)/.4
39
4!+4!/(4*.4)
90
4*4!-4-√4
44*√4+√4
40
(4!-4)+(4!-4)
4*(4+4+√4)
91
4*4!-√4/.4
41
(4!+√4)/.4-4!
92
4*4!-√4-√4
44*√4+4
42
44-4+√4
(4!+4!)-(4!/4)
93
4*4!-(4/.4)
43
44-(4/4)
94
4*4!+√4-4
44
44+4-4
95
4*4!-4/4
45
44+4/4
96
4*4!+4-4
4!+4!+4!+4!
46
44+4-√4
(4!+4!)-(4/√4)
97
4*4!+4/4
47
(4!+4!)-4/4
98
4*4!+4-√4
48
(4*4-4)*4
4*(4+4+4)
99
4!*4+(4!/4!!)
49
(4!+4!)+4/4
100
4*4!+√4+√4
4/.4*4/.4
44/.44
50
44+(4!/4)
44+4+√4
 

E porque não tentar escrever os resultados 101 a 200?

equ